Yarn Fair impôs-se em Nova Iorque

A última edição do Yarn Fair, salão internacional de fios de Nova Iorque, obteve um assinalável sucesso. Com efeito, os novos proprietários do salão que decorreu no final de Julho – os mesmos que organizam a Expofil, em França – não se pouparam a esforços para acolher bem os expositores presentes, bem como os mais de 2.000 visitantes que aí acorreram. Entre os principais pontos de atracção, especial destaque para as luxuosas limousines postas à disposição dos visitantes VIP, os diversos seminários promovidos em paralelo e o fórum de tendências de moda, onde imperou a originalidade e a diversidade. Oitenta expositores foram assim seduzidos pela fórmula adoptada para este salão pelos seus organizadores franceses – a Comexpo, a Associação Francesa de Fios Têxteis e a Federação Francesa da Malha – relançando desta forma a Yarn Fair no calendário internacional dos grandes eventos de moda e tendências têxteis. A grande abundância e qualidade dos fios de fantasia e tecnologicamente avançados constituiu um dos aspectos mais elogiados pelos visitantes deste certame, dos quais cerca de metade eram oriundos da Europa, com especial destaque para os italianos; por seu lado, os norte-americanos constituíram 28% do total de visitas, apesar de entre eles se contarem nomes como a Unifi.