Volume de negócios da Giorgio Armani sobe

O grupo italiano Giorgio Armani anunciou um aumento de 2,3 por cento no seu volume de negócios de 2002, para 1,3 mil milhões de euros. O grupo fez saber que os resultados não são ainda definitivos e prevê igual subida dos resultados líquidos no período em análise. Em 2001 a Giorgio Armani obteve lucros de 110 milhões de euros, ou seja mais 67 por cento do que em 2000. O grupo refere ainda que investiu 80 milhões de euros em 2002 para modernizar e desenvolver os seus sistemas de produção e distribuição, e diversificar as linhas de produtos.