Reciclagem de couro mais amiga do ambiente

No âmbito do projeto reProLeather, apoiado pela H&M Foundation, o The Hong Kong Research Institute of Textiles and Apparel (HKRITA) desenvolveu uma nova abordagem à reciclagem de couro, que o torna biodegradável.

[©HKRITA]

A reciclagem comum de couro é feita combinando restos e fibras residuais de couro com ligantes sintéticos e não biodegradáveis como poliuretano e PVC. A maior parte do couro reciclado contém igualmente resíduos de químicos perigosos, como crómio VI, resultantes do processo de curtume da pele.

No projeto ReProLeather, o HKRITA desenvolveu um processo para separar o crómio hexavalente das fibras de couro desfeitas e criou uma alternativa de base biológica aos ligantes de poliuretano e PVC, criando uma nova forma de couro reciclado que é, ao mesmo tempo, biodegradável e reciclável.

[©HKRITA]
O processo, descreve o HKRITA, é feito em duas fases. Numa primeira etapa, o couro pós-consumo é desfeito até que sejam obtidas fibras puras de couro e o crómio é removido através da sua transformação num sal ou composto complexo solúvel. Na segunda fase, as fibras de couro reagem com ligantes de base biológica, como açúcar ou proteína, e as fibras de colagénio interligam-se e formam novo couro. O couro regenerado que é obtido é, de acordo com o centro tecnológico, resistente à água e biodegradável, resultando no que chama um «círculo virtuoso» para a reciclagem de couro.

O centro de investigação está agora à procura de parceiros da indústria para otimizar as propriedades de produção e melhorar as funcionalidades, o que poderá abrir caminho para uma maior aplicabilidade na indústria no futuro

«Enquanto agente filantrópica de mudança para a toda a indústria, assumimos riscos para desbloquear soluções necessárias com a ambição de encontrar tecnologias que possam contribuir para uma moda positiva para o planeta no futuro», afirma Christiane Dolva, responsável de estratégia da H&M Foundation. «Estamos contentes por partilharmos abertamente as nossas descobertas com os outros para encontrar atores da indústria prontos a adotar inovações ousadas e o reProLeather pode ser uma dessas soluções. Espero que seja escalado em breve», conclui.