Prémios de inovação estão entregues

Inovafil, FLM Têxtil, Bordados Oliveira, TMG, Pafil e Têxteis Penedo foram os vencedores desta edição dos iTechStyle Awards, que foram entregues ontem numa cerimónia integrada na iTechStyle Summit.

Inovafil [©CITEVE]

A Inovafil foi galardoada na categoria de melhor têxtil com a referência Terramori, produzida com 90% de algodão orgânico e 10% seda produzida em Portugal. A amostra foi selecionada no iTechStyle Showcase de setembro de 2023 e distingui-se precisamente pela utilização, pouco comum, de seda “made in Portugal”.

FLM [©CITEVE]
TMG [©CITEVE]
Bordados Oliveira [©CITEVE]
Na altura, Rui Martins, CEO da empresa de fiação, explicou ao Portugal Têxtil ter recebido o contacto de um produtor nacional da matéria-prima. «Viemos a descobrir que, aqui no Norte de Portugal, temos uma tradição de produção de seda, algo que desconhecíamos», indicou. As primeiras experiências tiveram sucesso e trazem vantagens como uma pegada carbónica mais pequena, porque o aprovisionamento é local, mas também o facto de ser feita «com os casulos destruídos, a chamada seda da paz, em que o animal sobrevive ao processo», destacou Rui Martins.

Têxteis Penedo [©CITEVE]
Na categoria melhor produto, houve dois laureados. A FLM Têxteis convenceu o júri com um fato de banho com integração de copa pensado para mulheres submetidas a mastectomia, enquanto a TMG Textiles viu o blusão de motociclismo desenvolvido no âmbito do projeto ImpacTEX ser premiado.

Nos acessórios, o prémio foi atribuído à Bordados Oliveira, pela utilização de impressão 3D sobre substrato têxtil, uma nova tecnologia que usa resina que é depositada em vários formatos e cores para criar desenhos com uma definição extraordinária, como descreveu José Morgado, diretor de engenharia e tecnologia do CITEVE, numa visita guiada pelos selecionados em fevereiro de 2024.

Pafil [©CITEVE]
Foram ainda atribuídos dois prémios especiais. O prémio de sustentabilidade foi arrecadado pela Têxteis Penedo por um artigo feito numa mistura algodão/linho, enquanto a Pafil levou para casa o galardão atribuído a produtos inteligentes pelo exoesqueleto criado para apoiar as costureiras nas tarefas repetitivas.

Estes premiados foram selecionados por um júri composto por José Morgado, Fernando Pereira, do Departamento de Engenharia Química da FEUP, Hélder Carvalho, diretor do Departamento de Engenharia Têxtil da Universidade do Minho, Carla Silva, do Departamento de Química e Biotecnologia do CITEVE, José Gonçalves, diretor de materiais inteligentes do CeNTI, e Pedro Guimarães, do Modatex, entre 69 têxteis, 40 produtos e 82 acessórios que foram expostos nas duas edições do iTechStyle Showcase.

Os prémios foram entregues na iTechStyle Summit, que termina amanhã, 22 de maio, com um dia dedicado à performance dos materiais, digitalização e inteligência artificial.