Portugueses em força na LMC

No centro das nossas (pre)ocupações, o corpo tem as suas razões- e suas paixões- que a actualidade reconhece mais do que nunca. Todas as actualidades: mediática, científica, artística, cultural… A estas novas aspirações fazem eco novos guarda-roupas, linhas plenas de formas, colecções para todas as estações e circunstâncias, presentes em todas as marcas da Lyon Mode City 2006, que decorrerá de 2 a 4 de Setembro. Em suma, a feira impõe-se como o coração de um body fashion– fibras, tecidos, lingerie, moda balnear- que se tornou claramente mais essencial do que acessório. Um encontro internacional único no seu género, dado que a moda e os modos de vida são sem dúvida corpo e alma. A nova edição anuncia-se já plena de energia e encontros, rica em novidades, acontecimentos e movimentos, uma edição onde o futuro se conjuga com o presente mais audacioso. No momento em que a moda não produz somente produtos mas também espírito, Lyon Mode City cumpre a sua função com uma oferta abundante. Os sectores beachwear e lingerie organizam-se pela primeira vez em segmentos de mercados realistas, à imagem dos novos posicionamentos de marketing. Porque a linguagem do corpo é internacional, Lyon Mode City e Interfilière acolhem, cada vez mais marcas e expositores provenientes, este ano, de 41 países: 480 de beachwear, 530 de lingerie e 400 fabricantes de tecidos e acessórios na Interfilière.Em especial, esta edição anuncia como pontos fortes: o Guia Evolução- uma perspectiva completa do mercado, as suas tendências de estilos, de consumo, de marketing e a característica de ser uma ferramenta indispensável para antecipar as grandes correntes do Verão 2007, assim como, as cores, motivos e matérias chave do Inverno 2008; o Fórum de Tendências, que mistura lingerie e beachwear, valorizando as propostas do mercado e as tendências, concebidas à maneira de universos fortes e personalizados no seio do qual extraíram ideias de merchandising; quatro desfiles diários para descobrir directamente os novos legados, energias e estilos da próxima estação estival; os happy hours– a partir das 17 horas, os expositores dão livre curso aos seus ambientes respectivos e recebem sobre a sua tribuna os visitantes; sem esquecer a Summer Party no dia 2, uma noite inédita à maneira de uma onda de emoções e de ambientes.Quanto ao corpo português, remodelado pela Associação Selectiva Moda/Icep, tem tamanho 18: Impetus, Helix (Simel e Rêverie), Constantino Carneiro de Sousa (Mira), J.M. Rodrigues & L. Castro (Sylvan), José Adélio M. Castro (Jamal 90/Leni), Sonata Têxteis, Malhas Sonicarla, Esbelt Lingerie, João Manuel da Costa Flores (Iora Lingerie), Helix, Hermar, Emar, JPC Elásticos, Fernando Valente, Edor, Cotex , Torcato Coelho da Mota & Cia. Lda. e Fábrica de Confecções Peninsular.Recorde-seque na sua última edição, Lyon Mode City e Interfilière receberam 19.373 visitantes (-2% que em 2004) de 90 países que se deleitaram com 530 marcas de moda lingerie (125 novas), 480 marcas de moda balnear (110 novas), 396 expositores Interfilière, 2 Fóruns de Tendências magníficos, 4 desfiles quotidianos, múltiplas conferências sobre os temas quentes da actualidade têxtil e uma excepcional festa verde-amarela organizada no âmbito do ano do Brasil em França (ver notícia no Portugal Têxtil).