MTEX NS troca de mãos

A empresa portuguesa de tecnologia, que tem desenvolvimentos dedicados à indústria têxtil e de vestuário, foi adquirida pela americana AstroNova. O centro de engenharia e produção, assim como a equipa liderada por Elói Ferreira, vai manter-se em Portugal.

[©MTEX NS]

O anúncio indica que a aquisição ficou concluída a 6 de maio, por um valor total de 24,3 milhões de euros, estando igualmente previsto um acréscimo de até 4 milhões de euros a pagar ao vendedor ao longo de três anos, com base no cumprimento de metas específicas de crescimento do negócio. A AstroNova espera que a transação adicione entre 8 milhões de dólares e 10 milhões de dólares em receitas adicionais neste ano fiscal.

«A MTEX ​​NS é uma empresa de produção e desenvolvimento de tecnologia altamente inovadora, cujas múltiplas linhas de produtos de nível industrial expandem significativamente o nosso portefólio», indica Greg Woods, presidente e CEO da AstroNova, que destaca que «recentemente, a MTEX ​​NS introduziu uma impressora inovadora para transferências diretas para filme (DTF) que permite a impressão numa ampla variedade de materiais, incluindo têxteis, couro e materiais de superfície dura». Além disso, refere, «a equipa da MTEX ​​NS possui uma ampla e profunda experiência em jato de tinta e tecnologia piezoelétrica UV, permitindo à empresa desenvolver e fornecer consistentemente impressoras digitais a cores altamente diferenciadas que oferecem aos clientes as melhores velocidades e qualidades do sector», acrescenta Greg Woods. «Essa experiência irá agregar e complementar o nosso próprio conhecimento técnico», resume.

Com sede em Vila Nova de Famalicão, a MTEX ​​NS opera um centro de engenharia e produção de cerca de 7.500 metros quadrados e tem distribuição na Europa, Médio Oriente e América do Norte e do Sul.

A MTEX ​​NS vai agora operar como uma subsidiária da AstroNova, mas toda a equipa deverá continuar sob a atual marca e estrutura de gestão, incluindo o CEO, Elói Ferreira. «Desde a nossa criação em 2011, desafiamos o status quo da indústria mundial de impressão nos nossos mercados, construindo uma reputação de excelência junto dos clientes em aproximadamente 100 países em todo o mundo. Estamos orgulhosos por continuar essa jornada como parte da AstroNova e entusiasmados com as muitas oportunidades que temos pela frente», afirma Elói Ferreira.

«Por mais de uma década, a MTEX ​​NS tem estado na vanguarda do mercado de impressão digital de embalagens. O centro de produção de última geração da empresa é um modelo de eficiência de custos e uma das fábricas mais avançadas do género na Europa. A MTEX ​​NS construiu relacionamentos sólidos com OEMs de embalagens e etiquetas, cobrindo uma ampla gama de aplicações comerciais de impressão e embalagens. Ao combinar os pontos fortes das nossas equipas de tecnologia e de entrada no mercado, esperamos ver a MTEX ​​NS cumprir os seus ambiciosos objetivos de crescimento. Estamos entusiasmados por receber o Elói e toda a equipa da MTEX ​​NS na família AstroNova», conclui Greg Woods.