Marques’Almeida cria coleção para a Everlane

A dupla de designers portugueses usou sobras de tecido para criar uma coleção sustentável para a Everlane, a primeira que junta a marca americana com a moda de autor.

[©Everlane]

Os jeans e as camisas tie-dye de cetim fazem parte da nova coleção da Everlane com a dupla de designers portugueses. A coleção foi construída em torno de sobras de tecido. A Everlane convidou os fundadores da Marques’ Almeida, Marta Marques e Paulo Almeida, a usar alguns dos tecidos que tinha em stock para criar peças marcantes baseadas em alguns dos seus modelos mais vendidos.

«Ao pensar em como usar de forma significativa os nossos restos de tecidos e, ao mesmo tempo, celebrar as nossas peças de uma forma inesperada, pensamos que uma colaboração com designers que pudessem trazer uma nova perspetiva aos nossos designs clássicos seria uma solução realmente inspiradora», justifica Mathilde Mader, diretora criativa da Everlane. «Adoro a simplicidade crua da estética [da Marques’Almeida], a sensibilidade técnica [dos designers] e o seu compromisso para com fibras sustentáveis ​​e materiais naturais, que espelham o nosso», acrescenta

Na semana passada, a Everlane celebrou a parceria com Marques’Almeida oferecendo um jantar na Galeria TIWA em Nova Iorque com um toque português. Os convidados incluíram a atriz Katie Holmes e as modelos Ella Emhoff e Bambi Northwood-Blyth.

[©Everlane]
Descrita como de «alta qualidade e baixo impacto ambiental» nas redes sociais, a coleção rompe com o foco da Everlane nos básicos.

A coleção inclui calças oversized de algodão orgânico, um casaco patchwork, camisas e vestidos oxford descontraídos, vestidos de cetim tie-dye, malhas com fibra de alpaca e uma camisola de caxemira, assim como muitas peças em denim, das calças a minissaias e casacos.

A Marques’Almeida tem incorporado a sustentabilidade nas suas propostas – no outono de 2020 apresentou um manifesto de responsabilidade ambiental e social –, tendo igualmente feito uma parceria com a 7 For All Mankind, em 2021, onde usou desperdícios para criar uma coleção.

«Há anos que criamos peças de vestuário a partir de tecidos responsáveis, por isso, quando a Everlane nos abordou com a ideia de usar alguns deles para criar uma coleção em colaboração, dissemos imediatamente que sim», indicam, em comunicado, a dupla de designers portugueses. «Foi um desafio trabalhar com a metragem específica dos tecidos disponíveis e criar uma coleção que fosse inspirada nas peças marcantes da Everlane, mas que também fosse fiel ao nosso ADN de design. No entanto, foi algo que apreciamos e estamos muito entusiasmados com a coleção final», resumem.

A coleção Everlane x Marques’Almeida está disponível exclusivamente no site da Everlane desde ontem, 24 de março.

Marta Marques e Paulo Almeida