Lucros da Fitor descem

Os lucros da Fitor – Companhia Portuguesa de Têxteis não ultrapassaram os 238,33 mil euros em 2001, uma queda de 66,6% em relação ao ano passado. De acordo com a empresa, esta quebra deve-se principalmente à diminuição das vendas e à «contracção dos mercados». No que respeita ao volume de negócios ascenderam a 14,66 milhões de euros, o que representa uma descida de 7,2% quando comparados com o ano anterior. Mas, os resultados financeiros tiveram um aumento em relação aos 582,87 mil euros negativos referentes ao ano 2000, tendo baixado no exercício passado para 437,74 milhões de euros. Esta melhoria no panorama da empresa esteve relacionada com «uma rigorosa política de contenção de custos» e com «o resultado extraordinário positivo» relativo à resolução de situações contenciosas antigas, adianta a empresa. No ano passado a empresa efectuou investimentos «no âmbito de um projecto integrado, que foi objecto de uma candidatura ao Programa Operacional de Economia (POE)», no valor de 336,15 mil euros, um aumento de 164,8% em relação a 2001.