ICEP mobiliza centenas de empresas a Exportar +

Centenas de empresas estão a participar nos programas «ABC Mercados» e «Como Vender em…». Dois programas de formação e consultadoria anunciados pelo ICEP no Congresso das Exportações realizado no Porto. A próxima sessão do programa «Como Vender em…» será dirigida ao mercado Espanhol. Terá lugar de 13 a 17 de Março e irá mobilizar cerca de uma centena de empresas no Porto e em Lisboa que já manifestaram o seu interesse em adquirir conhecimento específico para iniciar ou reforçar a sua actividade exportadora em Espanha. O programa «Como Vender em Espanha» consiste em reuniões individuais do delegado do ICEP com as empresas. Nestes encontros, o Delegado disponibiliza informações sobre a melhor forma de abordar o mercado e sobre as oportunidades de negócio para as empresas. O mercado espanhol é um dos mercados identificados pelo ICEP como sendo um dos prioritários para as exportações portuguesas. De acordo com os dados do INE (Instituto Nacional de Estatística), entre o ano de 2000 e o de 2004, as vendas de Portugal para Espanha cresceram cerca de 47%, passando dos 4,9 mil milhões de euros para os 7,2 mil milhões de euros, o que mostra o enorme potencial que este mercado pode representar para as empresas portuguesas. Comentando o interesse das empresas portuguesas no mercado Espanhol, demonstrado com esta forte adesão ao programa «Como Vender em Espanha», José Vital Morgado, o Delegado do ICEP em Madrid assinala que «Espanha é um prolongamento natural do nosso mercado interno com uma economia muito dinâmica e consumidores com um elevado poder de compra pelo que as empresas portuguesas têm um enorme potencial por explorar». Depois de Espanha, o próximo mercado-alvo dos programas «ABC Mercados» e «Como Vender em…» será o mercado da República Checa com sessões a decorrer entre os dias 20 e 24 de Março. Estes dois programas vão contar com a participação de cerca de meia centena de empresas o que traduz o crescente interesse neste mercado, ainda pouco expressivo para as exportações portuguesas, mas com grande potencial de crescimento. As exportações portuguesas para a República Checa totalizaram 81,1 milhões de euros de Janeiro a Novembro de 2005, traduzindo um crescimento de 14,3% em relação ao período homólogo. O crescente interesse das empresas portuguesas pelo mercado checo é demonstrado não só pelo considerável crescimento do volume das exportações como também pelo aumento do número de empresas (cerca de 500) que exportam para aquele mercado. Pedro Patrício, Delegado do ICEP em Praga, manifesta a sua grande satisfação pela forte adesão das empresas às iniciativas «Como Vender na República Checa» e «ABC Mercado – República Checa», destacando, ainda, o «excelente trabalho desenvolvido pelas empresas portuguesas ao nível das exportações e o bom aproveitamento das parecerias que se têm verificado nestes últimos anos, o que demonstra estarem a aproveitar as oportunidades que este novo membro da União Europeia oferece, apostando a médio/longo prazo». O ICEP já realizou sessões dos programas «ABC Mercados» e «Como Vender em…» para o mercado brasileiro, seguem-se agora Espanha e República Checa e os Estados Unidos de 27 a 31 de Março. Até final do ano, o ICEP irá contemplar um total de 14 mercados com estas acções de formação e consultadoria.