FIMI abre com cinco insígnias nacionais

A feira espanhola dedicada ao universo infantil abriu hoje as portas em Valência com a presença de 470 marcas de vestuário, calçado, puericultura e brinquedos. Beppi, FS Baby, Picolé, Play Up e Snug são as representantes portuguesas.

Play Up

As quase 500 marcas, que estarão em exibição até ao próximo sábado, divididas por uma área de cerca de 25 mil metros quadrados, são provenientes de 38 países, com a organização a antecipar a visita de várias centenas de compradores convidados.

«Sustentabilidade, design, tendências e inovação. Estes conceitos são os que guiam a quarta edição deste certame único [a Babykid Spain + FIMI] no mundo», sublinha um comunicado da organização.

De Portugal estão presentes cinco expositores: Picolé, Beppi, FS Baby, Play Up e Snug – os últimos quatro com o apoio do projeto de internacionalização 100% ModaPortugal.

Marc e Rodney Duarte

Rodney Duarte, gestor de vendas internacionais da FS Baby, tem algumas expectativas para esta edição da FIMI, como indicou hoje de manhã ao Portugal Têxtil. «É o primeiro dia, a organização convidou muitos compradores estrangeiros, vamos acreditar que vai ser uma feira interessante», afirmou.

Para o responsável da marca, a junção da puericultura com o vestuário «faz sentido» e poderá aumentar o interesse dos compradores. Em Valência, a FS Baby está a apostar numa coleção com artigos com matérias-primas orgânicas e recicladas. «Maioritariamente temos produtos com veludo e malhas», acrescentou.

Na Play Up, a sustentabilidade é igualmente a palavra de ordem nesta coleção, que conta com a parceria da So-So, uma marca de produtos artesanais de madeira. «Aumentámos o número de peças com a temática close loop», explicou, ao Portugal Têxtil, Ana Queirós, responsável de sustentabilidade da marca. «O nosso objetivo é, cada vez mais, a cada temporada, aumentar o número de peças com este conceito, abranger cada vez mais a circularidade», referiu. Além disso, também as peças com certificação orgânica e reciclada aumentaram.

Nuno Maia

«O mercado espanhol é um dos mais antigos que temos na Play Up», revelou Ana Queirós. «É um mercado muito exigente, os clientes espanhóis são muito ativos e estão muito atentos às novidades», pelo que «a feira tem sempre muito interesse», afirmou, sendo que a junção com a puericultura foi, na sua perspetiva, uma mais-valia, «porque abre a possibilidade de termos mais visitantes».

Já na Beppi, o destaque está em modelos com luzes, assim como nos sneakers coloridos. «A nossa concorrência está na FIMI, nós também temos de estar», resumiu Nuno Maia, diretor comercial da marca.