Exportar mais é a palavra-chave

O ICEP e as associações da Fileira da Moda vão estabelecer um acordo considerado “histórico” pelos protagonistas, que apoiará a internacionalização das empresas e o aumento das exportações. O acordo entre as Associações da Fileira Moda e o ICEP para a promoção internacional dos têxteis, vestuário e calçado a partir de 2006, está em fase adiantada, existindo um Projecto da Fileira Moda que congrega todas as associações e instituições do sector: a Associação Nacional da Indústria de Lanifícios (ANIL), a Associação Nacional das Indústrias de Vestuário e Confecção (ANIVEC/APIV), a Associação Portuguesa dos Industriais de Calçado Componentes e Artigos de Pele e seus Sucedâneos (APICCAPS) e a Associação Têxtil e Vestuário de Portugal (ATP), a Associação Nacional de Jovens Empresários (ANJE), o Portugal Fashion, a Associação Selectiva Moda/Modtissimo, o Centro de Estudos Têxteis Aplicados (CENESTAP) e o Centro Tecnológico das Indústrias Têxtil e do Vestuário de Portugal (CITEVE). O Projecto da Fileira Moda consiste na organização conjunta de acções de promoção no estrangeiro, organizadas pelas associações signatárias do acordo geral, sempre em parceria com o ICEP.Embora o Projecto não tenha sido ainda homologado definitivamente, estão em marcha as participações em feiras da responsabilidade executiva das associações, nomeadamente da ANIVEC/APIV (FIMI, CIFF, SIMM, CPM), da SELECTIVA MODA/ATP/ANIL (Bread & Butter Barcelona e Berlim, Première Vision Paris, Magic Las Vegas, Interstoff Rússia e Techtextile North América, Atlanta) e da APPICCAPS (Exporiva Schuh Itália, MIDEC Paris, WSA Show Las Vegas e Shoes and Leather Goods Fair Poznan Polónia).Concluído este acordo (que fará história) para 2006, o que deverá acontecer ainda neste mês de Janeiro, é propósito firme das associações começar desde logo a preparar um Projecto comum para o biénio 2007/2008, que aprofunde ainda mais as sinergias de grupo e a total coordenação do investimento público nas acções de promoção externa de Moda nacional.