Exportações paquistanesas de vestuário de pele descem 25%

Segundo representantes da indústria, as exportações paquistanesas de vestuário de pele sofreram uma quebra de 25% nos últimos 11 meses. Fawas Aijaz Khan, presidente da Associação Paquistanesa de Produtores e Exportadores de Vestuário em Pele, adiantou que as exportações de Outubro de 2001 a Agosto de 2002 desceram de 345 milhões de euros para 256 milhões de euros, em comparação com o mesmo período do ano transacto. Khan afirmou que Agosto foi um mês terrível para os exportadores de vestuário de pele que viram as encomendas ser reduzidas em 50%. O presidente da associação adiantou também que as empresas estavam neste momento a baixar os preços devido à crescente competição de rivais como a China. “O custo da produção é muito alto no Paquistão em comparação com a China, o que nos levou a descer bastante os preços de forma a mantermos os nossos negócios e a nossa quota de mercado”, explicou Khan.