Estado italiano dinamiza a ITV

O Sistema Moda Italia – Associação de Industriais do Têxtil e do Vestuário – e o Ministério das Actividades de Produção italiano celebraram um acordo que prevê uma participação financeira pública, até 50 %, nas operações de promoção e de valorização da ITV, adiantou o Journal du Textile. Este acordo tem a duração de dois anos (2003 e 2004), renováveis. Os representantes do ministério e os dirigentes de Sistema Moda Italia reuniram-se no início do corrente ano para seleccionar um vastíssimo conjunto de projectos. O campo de acção destes projectos é também bastante vasto, incluindo a participação em feiras internacionais, realização de eventos culturais, estudos e análises económicas sobre certos mercados, colaboração com as industrias ou ainda a implementação de serviços para fomentar as exportações. Esta acção vem complementar a acção do ICE – Instituto de Comércio Externo, que tradicionalmente apoia a exportação e a internacionalização da indústria italiana. Para este ano, o orçamento do ICE destinado ao têxtil e ao vestuário eleva-se a 6,3 milhões de euros, contra 5,5 milhões de euros em 2002. Mas as boas novas para a indústria italiana não terminam por aqui. O ministro das Actividades de Produção Adolfo Urso apresentou igualmente um conjunto de medidas financeiras para apoiar a I&D. Em particular, foram destinados 34 milhões de euros para as empresas que investirem na implementação de sistemas telemáticos, 83 milhões de euros sob a forma de deduções nos impostos para as empresas que realizarem projectos no sector do comércio electrónico, 2,5 milhões de euros para a formação de jovens estilistas e 2 milhões de euros para financiar a criação têxtil italiana e a preparação de novas amostras.