Dominar o negócio da moda

O novo curso avançado, que decorrerá entre 7 de Fevereiro e 26 de Junho na EGP, tem a duração de 136 horas e compreende três períodos lectivos de duas sessões por semana. Tendências de Moda, Gestão da Relação com os Media da Moda, Tecnomoda, Criação de Conceitos e Gestão Pessoal são algumas das disciplinas propostas, que terão como docentes diferentes especialistas da fileira moda, entre os quais Paulo Vaz, Ana Mesquita e Manuel Serrão. Segundo Paulo Vaz, director-geral da ATP, a ITV «transformou-se, sofisticou-se, incorporou fatores críticos de competitividade, como a moda, a inovação tecnológica, a logística, o marketing e as marcas, o que tornou o negócio bem mais complexo, com mais exigências de qualificação e de novos profissionais, necessariamente preparados para esta realidade». Por isso, a ATP, em conjunto com a Escola de Gestão do Porto – University of Porto Business School (EGP) e a Apiccaps, desenvolveu o curso “Negócios de Moda”, que se destina a preparar empresários e quadros superiores das empresas «numa perspetiva nova e multidisciplinar, orientada para alinhar a gestão das empresas da fileira moda nacional com o melhor que se vai fazendo à escala global, dando-lhes assim mais competitividade e maior capacidade concorrencial», explica Paulo Vaz. «A qualificação dos recursos humanos das empresas é um dos eixos estratégicos do sector têxtil nacional para subir na cadeia de valor, conseguindo assim produzir artigos mais sofisticados e com maiores margens, apoiados em serviços que os diferenciem e promovam, fixando mercados tradicionais e conquistando novos. Sem pessoas não há empresas, sem pessoas cada vez mais qualificadas e capazes não haverá empresas bem-sucedidas, preparadas para os desafios da modernidade e da globalização», conclui o director-geral da ATP.