Contrafacção chinesa passa a ser vendida na net

O conhecido mercado Xiangyang de Xangai, conhecido especialmente por comercializar marcas falsificadas e devido ao seu encerramento pelas autoridades competentes em Maio passado, encontrou uma nova vida na Internet. De acordo com a agência noticiosa Epoch Pacific, o site já está online e a trabalhar com uma variedade de oferta de artigos falsificados incluindo uma linha completa de carteiras Louis Vuitton e blusões Northface. O novo site aceita pagamentos com Paypal, Paypal China, Alipay e vários cartões bancários chineses. Tendo sido já impedido de vender artigos falsificados de marcas famosas como Gucci, Chanel, Burberry, Prada e Louis Vuitton, o mercado de rua – um dos preferidos dos turistas – cresceu silenciosamente desde que as autoridades chinesas começaram a “apertar” o cerco no retalho de contrafacção nesse local. Esta acção vem na sequência do encerramento do também conhecido mercado de Pequim Silk Alley em Janeiro de 2005.Um outro site oficial, o Shanghai Online, foi preparado pela Telecom Shanghai da China, que hospeda também online o mercado de Xiangyang em Xiangyanglu.sh.online.cn. Parecidos com os sites C2C como o eBay, por exemplo, este site permite que vendedores individuais abram o seu próprio mercado online. No entanto, os avisos dizem que os vendedores devem evitar vender artigos falsificados no site.