Berlim, capital da criação

Onde bate o coração criativo da Alemanha? Em Berlim, claro! Em nenhuma outra cidade alemã há um tal potencial de criação, ao nível da moda, estilo de vida, arte, cinema e música. A criatividade é realmente a palavra mágica que faz de Berlim uma cidade em plena expansão. Na década de 20, Berlim era líder no mundo da moda. Actualmente, “fervilham”, por todo o lado, ideias que parecem reconduzir a cidade ao êxito daqueles tempos, sendo que o estilo de Berlim é muito especial, uma vez que se baseia no conceito da fusão entre as diferentes “tribos” culturais, que comunicam entre si e se interligam, mas que, simultaneamente, promovem a independência através da multiplicidade, com base numa intensa actividade cultural e lúdica. Neste contexto, percebe-se que no começo de 2001, Karl-Heinz Müller, em conjunto com Kristyan Geyr e Mark McGuire, tenham decidido fundar a Bread & Butter Berlin (BBB). A partir dessa data, em Janeiro e Julho, designers internacionais encontram-se nas antigas instalações da fábrica Siemens para participar no evento, cujo lema mais conhecido é ”tradeshow for selected brands”. Planeada inicialmente como ponto de encontro de grandes marcas, como Levi’s ou Nike, e de estilistas emergentes, a BBB tornou-se também uma plataforma comercial interessante para casas de moda da alta-costura, na qual até mesmo Givenchy ou Hugo Boss querem participar. Os organizadores apostaram, desde o início num conceito que pode ser descrito como ’street couture’, bem diferente da chamada ’high fashion’, de Paris ou Londres, pois perceberam que somente através da sua independência é que Berlim pode afirmar-se como cidade da moda. Por todas estas razões e considerando a Bread & Butter Berlin como muito importante para materializar os esforços de internacionalização de marcas nacionais, este é o segundo ano consecutivo que a Associação Selectiva Moda promove e apoia a participação de um grupo de empresas portuguesas na próxima edição da feira, que decorre de 27 a 29 de Janeiro. Esta iniciativa está inserida no projecto “Têxtil Global 2006”, em fase final de aprovação. São seis as empresas que vão representar Portugal: A Forest-Design, Fly London, Hard Hearted Harlot, Maria Miguel by Celireis, Magnífica e Katty Xiomara. Lembramos que uma iniciativa dentro dos mesmos moldes já tinha sido levada a cabo no passado fim-de-semana, na segunda edição da Bread & Butter Barcelona, com um grupo constituído pelas empresas A Forest-Design, Alexandra Moura, Encoder, Fly London, Hard Hearted Harlot, Katty Xiomara, Luis Buchinho, Magnífica, Tenente Ski, Vicri e Wearplay (ver artigo PT). Segundo fontes da organização da Bread & Butter, o evento foi um êxito em termos de participação e confirmou o seu potencial de crescimento. Reuniu 48.000 profissionais procedentes de 87 países e 780 marcas e designers de moda urbana. O Portugal Têxtil publicará brevemente um resumo alargado deste evento, focalizado, necessariamente, no balanço feito pelas empresas nacionais participantes.Entretanto, a Feira de Barcelona e a Bread & Butter chegaram a um acordo que parece tornar o parque de exposições de Montjuïc na sede permanente do evento, em paralelo com Berlim e anunciaram a criação de uma nova passarela totalmente inovadora e que integrará grandes designers internacionais, locais e emergentes. A Associação Selectiva Moda, constituída pela ATP e pela ANIL, com a parceria pública do ICEP e PRIME, está a investir em mercados emergentes para a indústria têxtil e do vestuário nacional como a China, a Rússia e os Estados Unidos, além de manter a aposta em mercados mais tradiccionais. Assim, a somar às duasiniciativas já referidas(Bread & Butter Barcelona e Berlim), a Associação Selectiva Moda assume a responsabilidade executiva da participação de grupos de empresas nacionais nas feiras Magic, em Las Vegas, Interstoff Rússia , em Moscovo, e Techtextile North América, em Atlanta, além de estarpresente com um stand de apoio aos expositores nacionais, na Première Vision, em Paris. Também apresentounovas propostas de apoio à presença de empresas portuguesas em certames como a Milano Unica e a Lyon Mode City, mantendo a aposta na Intertextile, em Xangai. A nível nacional,como já referimos em artigo anterior, a AssociaçãoSelectiva Moda organiza a 27ª edição do salão Modtissimo, que este ano se realiza pela primeira vez no Edifício da Alfândega do Porto, nos dias 7 e 8 de Março.