Barcelos acolhe Fórum da Indústria Têxtil

O auditório da Câmara Municipal de Barcelos é o palco escolhido para o XXV Fórum da Indústria Têxtil. Agendada para 24 de outubro, esta edição tem como tema "Está a Indústria da Moda a encolher? Caminhos para garantir valor e futuro".

Mário Jorge Machado

O XXV Fórum da Indústria Têxtil, organizado pela ATP – Associação Têxtil e Vestuário de Portugal, decorre durante a tarde de 24 de outubro no auditório da Câmara Municipal de Barcelos, onde empresários e especialistas vão abordar temas como a competitividade, transição climática, energética e digital, assim como o mercado da moda de luxo.

Depois do acolhimento, o primeiro momento deste Fórum da Indústria Têxtil será protagonizado por Ana Paula Dinis, diretora-executiva da ATP que dará destaque ao contexto e aos indicadores do sector, a que se seguirá a intervenção de Fernando Alexandre, professor da Universidade do Minho, sobre “Construir uma competitividade da ITV pela diferenciação e valor num contexto de transição de paradigma”.

Seguem-se dois debates, o primeiro subordinado aos temas da transição climática e da transição energética, com a intervenção de Patrícia Ferreira, CEO da Valérius Hub, António Braz Costa, diretor-geral do CITEVE e João Almeida, administrador da JF Almeida, e o segundo sobre a transição digital, no qual irão participar Rodrigo Siza Vieira, diretor-geral da Lectra Portugal, Rui Oliveira, diretor de sistemas de informação da Riopele, e Tércio Pinto, administrador da Impetus.

Do programa consta ainda a intervenção de Eloi Gonçalves Pardal, luxury advisor, sobre «A mudança de paradigma no mercado da moda de luxo”, a que se seguirá a sessão de encerramento, com o Discurso do Estado do Sector por Mário Jorge Machado, presidente da ATP, e a intervenção de Pedro Cilínio, Secretário de Estado da Economia.