Ambiente incontornável

Cerca de 135.000 visitantes profissionais passaram pela Messe Frankfurt para conhecer os novos produtos e tendências exibidas na Ambiente – a feira dedicada à decoração e artigos para oferta que decorreu entre 13 e 17 de Fevereiro. Apesar das dificuldades conjunturais, o sector mostrou-se receptivo e com vontade de comprar os novos e inovadores produtos apresentados pelos 4.466 expositores vindos de 86 países. Portugal esteve representado com cerca de 60 empresas de diversas áreas distintas, entre as quais a Têxteis íris, que regressou satisfeita desta participação, como revelou na última edição do Jornal Têxtil (ver Green Power). Também empresas como a Spal ou a Vista Alegre se mostraram agradadas pela forma como o evento decorreu. «Esta é uma das feiras mais importantes do nosso sector e pelo número de visitantes, de compradores, de concorrentes e de media especializados que consegue atrair, torna a Messe Frankfurt incontornável», explica João Pinto Basto, administrador da Vista Alegre. Os compradores alemães foram os mais “entusiastas”, tendo aumentando a sua presença em 8%, o que permitiu, de alguma forma, contrabalançar a diminuição no número de visitantes estrangeiros. Apesar disso, e tal como em edições anteriores, a Itália, os Estados Unidos da América, o Reino Unido, a Grécia e a Suíça, voltaram a contar com uma forte presença de compradores na feira. Uma constatação que vai de encontro à opinião de Michael Peters, administrador da Messe Frankfurt: «várias empresas preferem olhar para esta época como um nicho de oportunidades oferecidas pela difícil situação económica. E, como pudemos verificar na feira, este compromisso compensa». A Ambiente voltou a apostar na qualidade de expositores e visitantes e na vanguarda das tendências para os segmentos dinning – onde a sustentabilidade, a natureza e as cores foram as tendências dominantes para mesa, cozinha e artigos para o lar, assim como a durabilidade, produtos de elevada qualidade, design intemporal e materiais reciclados; living – onde a ecologia tem também um grande destaque e joga com uma variedade de cores divertidas e frescas, assim como os tons verde, vermelho e amarelo em contraste com o preto; e giving, onde estofos e artigos de decoração são combinados com o lilás e as cores de mirtilo, assim como o predomínio de cores pastel em formas florais e ornamentos. Além disso, a feira prolongou-se, de certa forma, até 21 de Fevereiro, já que sob o mote “Ambiente goes City”, muitos dos novos produtos na Ambiente puderam ser vistos paralelamente à feira em montras seleccionadas na baixa de Frankfurt. Esta iniciativa, que teve a sua 4ª edição, resulta da cooperação da Messe Frankfurt e da associação “CityForum ProFrankfurt” e permitiu que cerca de 50 lojas especializadas mostrassem, através de mostras especiais ou das próprias montras da loja, as mais recentes tendências e artigos de 40 expositores que participaram na Ambiente. Para manter o sucesso registado até agora, a organização prepara já algumas alterações para a edição do próximo ano, e promete uma reformulação e «um look completamente novo». Enquanto isso, a Ambiente viaja até Itália, numa estreia muito aguardada em Roma. Portugal já tem presença marcada com o apoio da Associação Selectiva Moda, que está a organizar uma delegação nacional.